quarta-feira, novembro 15, 2006

Poucas e (nem tanto) boas

Quando não temos o que falar nos pomos a falar besteiras. Estou de mudança. Não sei como organizar meus discos para este processo. Tenho muito a decidir e pouco tempo pela frente.

O Natal está chegando e aos poucos os shoppings estão ficando cada vez mais lotados pelos instintos de capitalistas selvagens! Pelo menos minha família é pequena e não terei problemas pois as lembrancinhas já estão compradas. Saíram de lojas de rua e foram barganhadas.

Quase atropelei meu cachorro ontem a noite e há dias que não faço nada construtivo.

Mas hoje é feriado e logo mais irei a um casamento de mais um amigo que se enforca. Isso é angustiante...

5 Comments:

Anonymous aochocolate said...

Querido Jim,

até um enforcamento deve ter sucesso, caso contráro fica-se "mal casado"
:)
1 xi coração de Portugal
ana
:)

15 novembro, 2006 14:41

 
Blogger Do Ás ao Rei said...

Isso tá virando uma constante: um amigo que casa em um mês, e outro que descasa no seguinte... rsrsrs.
Abraços,
Ás

16 novembro, 2006 00:59

 
Blogger Manoel van Pelt said...

pelo menos, de nós 3, sou o que mais tarde vai se enforcar (seguindo as atuais tendências)

16 novembro, 2006 10:42

 
Blogger Osório Lauriano said...

Jim,

as vezes passamos por mares calmos, mas com certeza eles fazem parte do caminho!

Logo, logo esse marasmo momentâneo (se é que posso dizer isso) passa.

A vida não é estática.

abraço

16 novembro, 2006 11:11

 
Blogger Kafé Roceiro said...

Esquenta não, amigo! Dias melhores virão, pra todos nós. Bota fé! Abraço do Kafé.

16 novembro, 2006 19:42

 

Postar um comentário

<< Home